Olá, pessoas lindas. Sim, eu sei que ando sumida. Reconheço, mas não estou sumida do Pinterest! Podem olhar minhas inspirações por lá!!!
   O outono chegou (menos em Foz do Iguaçu,kkkk) e já podemos falar em estilo para a próxima estação. 
   O veludo promete estar com tudo, tanto na primavera gringa, quanto no nosso inverno. Confesso que tenho certo preconceito com o tecido e só consigo pensar no Agoustinho Carrara.
   Trouxe algumas inspirações, tais como em blazer, blusas, vestidos, saias, calças e até nos sapatos, para looks a noite e de dia também! A dica é montar a produção deixando a peça que tem o tecido de veludo como destaque principal. Vamos conferir?




 
 








 

   Eu não me arrisquei na peça (ainda). A única coisa de veludo que comprei foi um strap-bra na Renner. Gostaram da tendência?
Beijos de salto, Rafa.



   Olá, mocinhas e mocinhos!!! Não abandonei aqui. Só estou, tão somente, com outras prioridades na vida. Todo mundo sabe que sou apaixonada por moda, mas moda (ainda) não me traz dinheiros!!!!
   Como foi a temporada de férias de vocês? Eu não viajei muito no final do ano. Fiz uma breve viagem ao Rio de Janeiro, mas depois voltei pra labuta...e como eu sinto falta de viajar.
   "Você pode passar uns meses na China e voltar. Um feriado na Bahia a beira mar. Ou o final de semana na fazenda. Só um lugar do planeta vai ter o cheiro e o aconchego da sua casa. Só um lugar do mundo vai te esperar de portas abertas e todas as janelas fechadas.

   Viajar pelo mundo é incrível. Eu sou fã de hotéis que têm aquela cama enorme, lençóis branquinhos e um ar condicionado no 23. Consigo ter noites maravilhosas. Viajar te possibilita milhões de novidades (e pessoas e informações e culturas). Só que sabe aquele “ficar o dia inteiro sem fazer nada, vendo um Netflix”? Isso só na minha cama, no meu travesseiro da Nasa que já tem o formato da minha cabeça e o cheiro do meu shampoo. Não adianta, porque é nele que eu durmo mais rápido. Vocês também se identificam?

   Tem gente que também é assim, igual a casa da gente. Geralmente são as pessoas que levamos conosco para viagens, datas especiais (tipo aniversário, casamento, nascimentos). Como eu já disse por aqui em outro texto, essas pessoas têm cheiro de casa. São “pessoas aconchegos”. Deve ser por isso que explorar mundo ao lado delas é muito mais fácil. É como se a gente levasse para a Europa, México ou ali pro Rio de Janeiro, um pedaço do que é seguro, já que parece a casa da gente. Escolher com quem você vai viajar (e voltar para casa depois) é muito mais especial do que parece. É mais fácil encarar um mochilão em algum lugar do mundo com um pedaço do “nosso mundinho” ao lado.

   A nostalgia depois de uma viagem bate forte, mas há sempre a possibilidade de recomeço na volta para casa. É tempo de aproveitar tudo que foi absorvido e mudar alguma coisa. Nem que seja aquele pôster da sala, dar fim a um rolo que não dá em nada ou tomar coragem para mudar de emprego. Aproveite todos os pensamentos que passaram na sua cabeça enquanto relaxava. Não deixa eles irem embora, não. Voltar para casa diferente de como você foi embora é uma delícia. Aproveite e agradeça o aconchego do seu mundinho".

   Gostaram do texto? É de autoria da Marcella Brafman!!
Beijos de salto, Rafa.



   Hola que tal? Meninas, vou falar do meu queridinho da vez: o suede! Sim, aquele tecido que lembra de sofá..uma espécie de couro acamurçado e macio e molinho; que tem uma textura mais leve e fina. 
   Com a pegada boho - que continua em alta - a versão do tecido aparece nas cores terrosas (preferidas e mais vistas nos street styles). Mesmo sendo um tecido mais pesado, as cores mais claras, principalmente o caramelow, deixam o visual mais leve e moderno, por isso é aposta para a próxima estação! 
   Separei algumas fotinhas de inspiração, mas percebo que ele pode aparecer tanto em saias, shorts, vestidos, coletes e blusas. Vamos conferir?















Gostaram da dica?
Beijos de salto, Rafa!



   Quem não pirou com o vestido usado pela cantora Adele na música Send my love? Pois é, os vestidos e saias longas (a cara do verão) já começaram a aparecer nas coleções de primavera/verão. 
   Aqui, voltou do além um frio que nos impede de usar essa tendência,mas é bom você se precaver do que pode aparecer nas ruas/lojas. 
   Vamos encontrar muitos muitos vestidos /saias estampadas com listras, florais, coloridos ou detalhes como os babados e até modelos peças mais curtos, com comprimento midi para essa nova estação! 
   Vale lembrar que uma dica para valorizar a silhueta é a de preferi modelos mais acinturados (já cansei de falar isso aqui) ou modelos em evasê na parte inferior. Evite modelos muito justos na barriga e quadril, pois marcam e destacam as gordurinhas ;) Esse tipo de vestido/saia pode ser usado, igualmente, por baixinhas, hein? 
   Com relação aos sapatos, sugiro que apostem nos modelos mais abertos, tais como, sandálias de salto ou rasteiras. Lembrando que se quiserem alongar mais ainda a silhueta, cubram o peito do pé ou usem sandálias da cor creme. Vamos às fotinhas para se inspirar?


















Gostaram?
Beijos de salto,
Rafa.


      Meninas, não morri. Eu só ando um pouquinho ocupada. Quem quer continuar me acompanhando, dá uma passadinha no meu pinterest (aqui ao lado tem o link pra chegar por lá). 
   Falar em morte, morri com esse look. Vamos combinar que não é para qualquer uma. Para "bancar" esse visual, no mínimo, você tem que se arriscar - tarefa muito muito árdua para a maioria de nós mortais. Uma das pessoas que considero bastante arriscadora, no nosso país, é a blogayra Thassia. Nem todas produções que ela usa, considero bacanas, mas boa parte delas é de uma maneira inovadora e para fazer esse tipo de produção, requer alguns itens: - ser uma pessoa que conhece seu próprio corpo (meninas, não é de hoje que eu venho dizendo que vocês tem de se valorizar. Aprenda a se conhecer. Não se sujeite ao que as indústrias da moda pregam!); - ser uma pessoa que "quebra" paradigmas. Pense: onde que você ousaria em compor um look de uma vestido-camisa (chemise), uma saia rendada e scarpin? Poucos seguram esse look! Parabéns, Diane!

Beijos de salto, Rafa.