Camila Coutinho, a it blogayra do blog Garotas Estúpidas lançou uma coleção bem fresca e leve para a Riachuelo. As peças contém muita renda, floral, bordados em vestidos e saias longas, kimono, macaquinhos... Você encontra a coleção nas 144 lojas da marca em todo o Brasil! Vamos conferir algumas das peças? 




Gostaram? Beijos de salto, Rafa.



   E eis que chega a época do ano em que as academias e clínicas de estética ENCHEM, fundamentando o boom de matrículas no tal do ‘’Projeto Verão’’. #Projeto Verão implica na ideia de que você precisa, de alguma maneira, ~se preparar~ para o verão. 

Porque você provavelmente irá à praia ( ou ao clube ou à piscina )

Porque seu corpo será visto

Porque é tudo um grande desfile

E você será julgado merecedor ou não de estar na praia ( ou no clube ou na piscina )

Porque supostamente tudo isso é reduto de pessoas magras.

E o gordo que não teve DISCIPLINA nem FORÇA DE VONTADE não merece um lugar ao sol.

   Já falei aqui anteriormente que o Verão é apenas uma estação do ano. Isso acontece porque a terra gira em torno do sol. O nome disso é translação. As datas que marcam o início das estações do ano determinam também a maneira e a intensidade com que os raios solares atingem a Terra em seu movimento de translação. Essas datas recebem a denominação de equinócio e solstício.

   Quando no hemisfério Norte é inverno, no hemisfério Sul é verão. Da mesma maneira, quando for primavera em um dos hemisférios, será outono no outro. Isso ocorre justamente em função da posição que cada hemisfério ocupa em relação ao Sol naquele período, o que determina a quantidade de irradiação solar que está recebendo.

   O Solstício do Verão no Brasil em 2015 acontece no dia 21 de Dezembro. E você não precisa fazer nada. Basta saber que a Terra gira. E em alguns momentos do ano ela se encontra mais próxima do sol. E é só isso.

   Você não precisa apresentar um atestado de IMC para entrar na praia. Você não precisa comprar ingresso para entrar na praia (talvez em algumas, mas aí significa que é um lugar exclusivista e você pode procurar locais democráticos e gratuitos ) Você não precisa comprovar o número do seu manequim para estar na praia. Você não precisa ser beliscada por um adipômetro para entrar na praia.

POR QUE, Ó DEUSES, as pessoas acham que é necessário investir tempo, esforço e dinheiro num ‘’Projeto Verão’’?

   Como todo mundo quer pegar carona na [baixa]autoestima das pessoas nessa época do ano, também é a hora da apelação do cereal da Nestlé. Operação Biquíni. Significa que você só pode ir para a praia se passar 15 dias comendo o cereal deles. A nomenclatura utilizada já é mais invasiva, mais veemente – Operação Biquini. Talvez seja doidera minha, mas quando escuto a palavra ‘’operação’’, me lembro de estratégia militar. Então, é uma intervenção que deverá feita sobre o seu corpo. Não de cooperação, mas de ataque.

   Operação Biquini é um período de luta e sacrifício contra os ~malditos~ sinais orgânicos do seu corpo [estrias, celulites, dobras etc.]. Há séculos, a mortificação e os sacrifícios eram feitos para educar o espírito e aproximar o homem de Deus. Atualmente, todas as práticas de devoção e esforços acontecem para a construção de um ‘’corpo perfeito’’

O que EU tenho para dizer sobre ‘’Projeto Verão’’? Nada.

Eu não vou fazer nem propor nada.

Só vou te dizer que não importa qual é o tamanho, a cor, a forma do seu corpo, você merece o sol, você merece descanso, você merece ser feliz.

‘’- Aaaahhh mas isso é um incentivo à obesidade’’

Aham.


   Conte-me mais sobre a pessoa que viu uma gorda na praia e sentiu um urgente ímpeto de comer enlouquecidamente. 
   Permitir que QUALQUER pessoa gorda, saudável ou não, com diabetes ou não, com síndrome metabólica ou não, com cardiopatia ou não possa ir à praia e desfrutar como todos os demais NÃO é apologia à obesidade. É dizer que todo ser humano tem direito de vivenciar todas as experiencias da vida. Todo ser humano.

Doenças crônicas precisam de tratamento? Evidentemente.

E o que isso tem a ver com a obrigatoriedade de estar magro no verão?

Rotundamente NADA.

Então NÃO, não venha argumentar ”mas e a saúde? tem que cuidar da saúde, sempre”

* Não justifique sua gordofobia com discurso biomédico *

   Você NÃO precisa estar magra para ir a praia, casar ou sei lá que outros tipos de oportunismo mercadológico inventam com base no emagrecimento como fator condicional para que algo aconteça. Cuide da saúde. Durante o ano inteiro. Porque é importante ter qualidade de vida. Não faça restrição alimentar só para ~ficar bem~ no biquíni [para postar no Facebook].

   Estamos na sociedade da imagem ( a imagem do do evento é mais importante do que o evento em si. A imagem de uma pessoa é mais importante do que a pessoa em si. )

Isso cansa.

   Então vamos à praia. Sem vergonha. Sem pudores. Sem canga. Sem nos vermos reféns do olhar do outro. Esse texto não é meu; é do blog Não sou exposição.
Gostaram?
Beijos de salto, Rafa.



   Lá estava eu (final de semana passado) assistindo ao novo filme do 007, quando de repente, uma bolsa me chamou atenção!!! Não consegui achar a imagem da Bond Girl usando a it bolsa. Sei que sai da sessão e fui direto na arezzo procurar. Batata! Lá estava a bolsa que eu queria(essa da foto aew em cima).
   Por quase R$ 400 (dilmas), você pode adquirir uma Drew Bag Chloè inspired. Sim, essa é o nome da nova it bolsa. 
   Se você é da burguesia, pode comprar uma original. Enquanto,não podemos, eu fico com a réplica nacional. A original custa quase 10mil dilmas!!! (veja aqui)











   Sou dessas que se é para ´investir´ no quesito fashionista, que seja em itens clássicos e atemporais..mas quem disse que uma Chloè também não pode ser eterna?! Já adquiri a minha na Arezzo!!!

Beijos de salto, Rafa.




   Como já comentei para vocês, eu sou advogada. Atuo, especialmente, em ações em face da Administração Pública (governos - União, Estados e Municípios, autarquias, fundações e afins). Outro dia, eu estava participando de um processo administrativo em um órgão da Secretaria Estadual de Educação, quando o meu cliente solta uma frase da qual faço questão de mencionar nesse post: você não poderia trabalhar aqui. As pessoas que trabalham aqui só usam preto e branco; você é uma pessoa colorida.

   Pois é, quem me conhece, sabe que eu sou muito colorida. Não pinto minhas unhas de cores clarinhas (nude aparece raramente nas minhas unhas). Tenho sapatos de tudo quanto é cor e, recentemente, comprei um vestido preto (até postei a fotografia aqui).

   Se você é ou busca ser uma pessoa colorida, esse post veio a calhar para ti!!! As cores vibrantes deixam qualquer look mais moderno, com um visual mais jovem e com ar mais despojado e alegre; ótimo para aproximar as pessoas e alegrar o nosso dia. Se você busca iniciar nesse processo de colorização, separei algumas fotos e dicas para vocês.


   Quando usar um look colorido, lembre-se de usar apenas uma cor vibrante como destaque e complemente o restante do look com cores neutras e discretas, assim o resultado sempre dará certo. Sapatos em tom caramelo (camel), nude ou preto sempre dão certo.

   










   Para as mulheres que não gostam dos looks inteiros coloridos, aposte em uma peça mais chamativa e use-a na região do corpo que você queira dar destaque, equilibrando o seu tipo físico! Por exemplo: para as mulheres do tipo físico "pera", a melhor opção seria usar cores vivas na parte superior, desviando a atenção do quadril mais largo!









   Lembrando que usar um visual todo colorido requer o que eu chamo de "sustentação". Você tem que ser uma pessoa que sustenta o look, caso contrário, se você se sente intimidada por olhares alheios, vai ser muito pior ao usar um visual todo colorido. Comece aos poucos, com alguns acessórios que logo, logo, você sustenta um visual (quem sabe) color blocking!!

Beijos de salto, Rafa.



   Depois de aparecer no desfile de Stella McCartney, a saia de botões virou trend, e começou a marcar presença nos looks das maiores it girls do mundo, como Chiara Ferragni e Alexa Chung. As Saias Jeans estão de volta, mas não no modelo que usávamos quando adolescentes, agora a Saia voltou mais evasê e com botões bem aparentespara dar um toque moderno a peça! Esse modelo de saia não aparece só no jeans, outros tecidos também são boas opções para modernizar o look e os botões ajudam a alongar a silhueta! Tomem o cuidado de usá-la com blusas e camisas mais ajustadas e sempre por dentro da saia para equilibrar a silhueta e marcar a cintura! Melhor não usar por fora.
   Separei algumas combinações tiradas do Just Lia, para vocês se inspirarem nos looks:







   Para ser sincera, eu não curto esse tipo de saia. Comprei uma hotpants com botões na frente porque tem a pegada "militar", mas saia desse tipo não me agrada. Me contem se vão investir!!
Beijos de salto, Rafa.



   Quando eu contei, recentemente, que fui comprar um maiô, meus amigos ficaram horrorizados. Teve um que chegou a falar: Rafa, você já está precisando usar maiô? Tá nesse nível? Pois é, as pessoas tem a falsa ideia de que maiô é coisa de vovó ou quando você está extremamente acima do peso e quer esconder, mas diante do avanço da moda praia, o maiô tem ganhado mais espaço e conquistado muitas mulheres.
   Atualmente o maiô tem sido a primeira opção para um look para a praia ou para a piscina, pois os modelos foram reformulados e agora eles são feitos com novos tecidos e estampas, mas também com mais decotes, garantindo a mesma sensualidade de um biquíni. Inclusive, a sofisticação de algumas peças permite que elas sejam usadas em outros ambientes, além da praia.

















   As cores são características muito presentes na moda praia e certamente, as estações mais quentes nos remetem a peças coloridas. A cor pode fazer toda diferença, pois pode ressaltar as olheiras ou até mesmo destacar pontos que você desejar disfarçar. Enquanto, a escolha certa da cor pode ressaltar o bronzeado e como acrescenta Érica: “A cor certa do maiô pode até deixar a aparência mais coradinha, com aquela ‘corzinha do verão’ que a gente procura”.
  Tomem cuidado com o tom de cabelo, também. Fui provar um maiô em tom terroso e ficou brigando com o ombré do meu cabelo (que é cobre).


   As estampas podem ser usadas como truques para realçar ou disfarçar proporções do corpo, como indica Érica: “Aqui vale pensar na proporção da estampa em relação à estrutura óssea e estatura da pessoa”. “Ao contrário daquela história de que estampa pequena emagrece e estampa grande engorda, a estampa no tamanho certo cria um resultado harmonioso – ou seja, gente pequena fica mais harmoniosa com estampa pequena e gente maior fica melhor com estampa maior”, acrescenta Érica.


   Assim como nos vestidos, a cor preta é vista como um grande coringa na escolha de uma peça, para não correr o risco de errar. Porém, Érica alerta: “Ao contrário do que a maioria das pessoas acredita, o preto não favorece todo mundo”. De acordo com a consultora, a pessoa que fica bem usando a cor preta, ao optar pela cor pode transmitir uma ideia de imponência e autoridade. Mas ao mesmo tempo, em alguns casos a cor pode ficar sobrecarregada e criar um ar triste e melancólico.


   Este modelo é sem duvidas um dos maiôs que mais proporcionam sensualidade devido à quantidade de pele que ele deixa a mostra. O modelo também pode ser uma opção para quem não quer usar um biquíni, mas também não quer um maiô muito fechado. O modelo proporciona uma ideia de cintura mais afinada, sendo uma boa alternativa para quem tem esta região do corpo não tão acentuada. Érica ressalta a importância do protetor solar ao optar este modelo, caso a intenção não seja deixar a marca tão evidente.


   Este decote é ótimo para quem que evidenciar a região do colo e os braços. Como a consultora indica, o tomara que caia harmoniza melhor em mulheres de seios pequenos, e as mulheres baixas também podem apostar neste modelo como um recurso para alongar a silhueta. Outra vantagem do decote é evitar as marquinhas do bronzeado que podem conflitar com alguns modelos de blusas.


   A maioria dos maiôs vintage, são inspirados nos anos 50, como ensina a consultora Érica, e estes modelos remetem a um estilo mais doce e também são mais fechados, deixando uma quantidade menor de pele exposta. Alguns dos modelos tem a costura e estrutura diferenciada no bojo, o que pode ser uma vantagem para quem tem seios maiores, devido à sustentação que o modelo proporciona. Estas peças sem dúvidas são para mulheres que possuem um estilo mais criativo e não tem medo de ousar. Eu já mandei fazer o meu biquini vintage :)


   O maxi decote é uma forma para compensar as partes do corpo que são escondidas pelo maiô. Para optar por este modelo é interessante que você se sinta segura com seu corpo, principalmente na região dos seios e colo. Ótima opção para quem não tem quase nada de busto e uma boa alternativa para o “engana-mamãe”, orienta Érica, devido à sensualidade que o decote proporciona. A consultora também indica que a sensualidade da peça pode variar de acordo com o tamanho do busto e da fenda.


Qual o melhor maiô para o meu shape?

   O modelo correto de uma peça de roupa, assim como da roupa de praia, pode valorizar alguns pontos do corpo feminino, mas também disfarçar outros. A consultora Érica dá dicas para escolher o modelo mais indicado para seu corpo: “Os maiôs tomara-que-caia e com fenda são ótimos para quem tem pouco busto, independente de ser retangular ou triangular”.
   Sobre um dos modelos mais sensuais de maiô, o “engana-mamãe”, a consultora acrescenta que eles são mais indicados para quem quer valorizar a cintura e tem o corpo retangular, pois ele afina esta região do corpo.
   Para quem quer disfarçar o busto grande, é indicado investir em uma peça que tenha as alças mais largas, o que proporciona maior sustentação para os seios, e irão garantir seu conforto e segurança na praia.
   Um jogo de equilíbrio também pode ser feito usando estampas e modelos específicos, como para disfarçar quadris largos, por exemplo. Érica aconselha: “Para compensar quadris largos, vale investir em modelos do tipo tomara-que-caia, um ombro só e também em peças com estampas e outros detalhes que desviem a atenção para a altura do busto”.

Fonte: M. de Mulher

beijos de salto,
Rafa.