Meninas, não morri. Eu só ando um pouquinho ocupada. Quem quer continuar me acompanhando, dá uma passadinha no meu pinterest (aqui ao lado tem o link pra chegar por lá). 
   Falar em morte, morri com esse look. Vamos combinar que não é para qualquer uma. Para "bancar" esse visual, no mínimo, você tem que se arriscar - tarefa muito muito árdua para a maioria de nós mortais. Uma das pessoas que considero bastante arriscadora, no nosso país, é a blogayra Thassia. Nem todas produções que ela usa, considero bacanas, mas boa parte delas é de uma maneira inovadora e para fazer esse tipo de produção, requer alguns itens: - ser uma pessoa que conhece seu próprio corpo (meninas, não é de hoje que eu venho dizendo que vocês tem de se valorizar. Aprenda a se conhecer. Não se sujeite ao que as indústrias da moda pregam!); - ser uma pessoa que "quebra" paradigmas. Pense: onde que você ousaria em compor um look de uma vestido-camisa (chemise), uma saia rendada e scarpin? Poucos seguram esse look! Parabéns, Diane!

Beijos de salto, Rafa.


Deixe um comentário